Chamadas encerradas

Mulher, identidade e discurso: visões plurais

Prazo de envio: Até 31 de janeiro de 2022.

Organização: Marcela Regina Vasconcelos da Silva Nascimento (UFPE), Rosiane Maria Soares da Silva Xypas (UFPE), Jaciara Josefa Gomes (UPE).

Resumo: a obra “Mulher, identidade e discurso: visões plurais” visa pôr em relevo trabalhos, no âmbito da Literatura, da Análise do Discurso (bakhtiniana, pecheuxtiana ou crítica) ou da História, Sociologia e Filosofia, que abordem lugares, representações e identidades da mulher. Considerando a identidade como uma criação sociocultural em constante elaboração e transformação, compreendemos que representações e identidades emergem na sociedade por meio de mecanismos discursivos e, portanto, indissociavelmente atrelados à linguagem. Em relação à construção de identidades femininas, sabemos que, durante muito tempo, em virtude do machismo e do patriarcado, a posição da mulher foi definida pela divisão sexual do trabalho, que lhe reservava o papel reprodutivo e o espaço privado. Todavia, embora a cultura patriarcal ainda estruture a sociedade, as transformações socioculturais, as quais se realizam por meio de práticas discursivas, ao propiciarem novas valorações e produzirem outras realidades, reverberaram novos papéis femininos, gerando diferentes efeitos identitários. Diante disso, ensejamos contribuições de pesquisadores que discutam a construção de representações e identidades da mulher em variadas esferas sociais: publicidade, literatura, redes sociais digitais, entre outras.

Palavras-chave: Mulher; identidade; linguagem.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.